Indicadores Antecedentes

japao_abenomics_junho

O governo japonês divulgou os últimos dados de encomendas de maquinários (detalhes aqui). Em análises de conjuntura, gostamos de dados como estes porque, geralmente, há uma correlação entre eles e o desempenho econômico. Encomendas de maquinários mais altas indicam um certo otimismo com a economia (pode ser uma reposição de máquinas antigas…porque vale a pena, pode ser uma aposta no futuro…obviamente porque também vale a pena, etc).

O quão útil é este indicador, obviamente, depende de sua correlação, ou melhor, de seu co-movimento relativamente a algum outro indicador (ou alguns outros indicadores) de desempenho da economia. Por exemplo, será que o crescimento do PIB japonês tem relação com este indicador? Ou não?

A história dos indicadores antecedentes está diretamente ligada aos estudos de economistas que buscavam, como todo bom economista, entender melhor a realidade. Afinal, entender as oscilações do PIB, câmbio, balança comercial, investimentos, consumo, inflação pode não ser o que há de mais charmoso na profissão (acreditem: não é), mas faz parte do bê-a-bá. Não dá para andar sem aprender a engatinhar antes e também não dá para estudar, digamos, economia do crime, sem aprender a fazer análise destes indicadores antes.

Quer um conselho? Procure alguma boa literatura sobre o tema. Existe um livro mais antigo, do Claudio Contador, em que ele pesquisa indicadores deste tipo (antecedentes, futuros ou coincidentes) para a economia brasileira. Já para os amantes da história do pensamento econômico, uma referência obrigatória é Wesley C. Mitchell.

20140612_114500-001

Em algum momento do início deste livro, ele diz (veja o parágrafo que se inicia com “Entretanto, a teoria…”):

20140612_114454

 

Pois é. De lá para cá a coisa evoluiu muito. Os ciclos econômicos estão na base de muitas das indagações dos economistas, desde os clássicos (no sentido dos historicamente considerados como “pais” da nossa Ciência Econômica), até os atuais e, claro, os futuros, como os membros do Nepom. Membro do Nepom que não se preocupa com ciclo econômico, por definição, não existe.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s