Resgate do Chipre

Na última segunda feira , o Chipre chegou a um acordo com seus credores internacionais para receber um resgate de 10 bilhões de euros. Com tal acordo , o país fechou seu segundo maior banco e fará uma fusão entre o Banco Popular e o Banco do Chipre.

Após tais medidas, o governo manteve as instituições financeiras fechadas até o dia de hoje para impedir saques em massa , porém o que se viu ao reabrir os bancos foram imensas filas formadas pela população local com o intuito de retirar seu dinheiro e seus investimentos ( mesmo com a limitação de 300 euros por pessoa em saques e 5 mil euros por mês em pagamentos e transferências no exterior).

De acordo com o presidente do Chipre, Nicos Anastasiadis, todas essas medidas , incluindo o acordo para o resgate , foram as melhores possíveis e que se estas não fossem atingidas o país teria entrado em colapso e decretaria “default”, porém indo em direção contrária do Presidente , o economista Paul Krugman ( Nobel da economia) afirma que a melhor solução para o Chipre seria a saída imediata do euro , e que se isso não for feito o país “vai entrar em uma depressão severa ” que irá durar muitos anos , até que consiga ” construir um novo setor exportador “

Agora o que nos resta é acompanhar as decisões do governo Cipriano e o desdobramento destas no restante do mundo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s